quarta-feira, 24 de julho de 2019

Editorial: A necessidade de uma pesquisa eleitoral para se colocar a "bola no chão" no cenário político patoense


Faltando praticamente um ano para o início da corrida eleitoral, a cidade de São João dos Patos tem vários vetores políticos.

Do lado da situação temos o governo da prefeita Gilvana no seu primeiro mandato e até agora a única pré-candidata oficialmente lançada em recente entrevista de rádio pelo seu esposo chefe gabinete Zé Mário. Na iminência do início das obras da reforma do Mercado Público Municipal como carro-chefe de seu mandato, a mesma tentará de forma natural a sua reeleição.

Do lado da oposição ou das oposições, temos vários vetores políticos. Temos o candidato natural Dr Alexandre por ter sido o segundo colocado na última eleição em 2016 com um grupo político montado tendo como vice natural o empresário Tangará além do ex-vereador Raimundo Nolêto juntamente com a sua filha Raiana Noleto e aliado ao grupo vários vereadores compõem a oposição.

Tido por alguns como não muito afeito a holofotes e redes sociais Dr Alexandre faz um trabalho intimista onde não busca muito aparecer e tenta fazer a política a sua moda.

De forma crescente surge o nome do vereador independente Marcio do Kizoeira. Jovem, carismático, músico e bastante influente nas redes sociais. Márcio é tido para muitos como o hoje líder nas pesquisas informais.

Outra incógnita é a do dentista e recém candidato a deputado federal Dr Disney, que obteve uma expressiva votação nas últimas eleições e que por outras oportunidades disputou o cargo de vice. Nos bastidores se comenta que Disney não está mais disposto a ser vice novamente e que tem toda uma estrutura montada para disputar a cabeça de chapa .Como ponto positivo, ele tem ao seu lado uma baixíssima rejeição e pode surgir como fator surpresa nas eleições.

Diante do cenário e faltando apenas um ano praticamente surge a necessidade de uma pesquisa eleitoral registrada para que se coloque a "bola no chão" no quesito de forças e se saiba qual a vontade popular na corrida eleitoral para prefeitura em 2020

Por Leandro Noleto


Publicidade:








Nenhum comentário:

Postar um comentário